terça-feira, 21 de agosto de 2012

EM PATOS DE MINAS: Quadrilha presa por traficar drogas dentro do presídio ameaça e agride jornalistas

Os gritos de ameaça só foram interrompidos após a interferência do chefe da PC, Márcio Siqueira.

Profissionais de imprensa que faziam a cobertura do caso foram ameaçados.
 
A apresentação de uma quadrilha acusada de promover o tráfico de drogas dentro do Presídio Sebastião Satiro gerou constrangimento na manhã desta terça-feira (21) na Delegacia de Furtos e Roubos. Profissionais de imprensa que faziam a cobertura do caso foram ameaçados e um repórter fotográfico chegou a ser agredido por um dos acusados. Os gritos de ameaça só foram interrompidos após a interferência do chefe da PC, Márcio Siqueira.
A prisão dos envolvidos ocorreu graças a um trabalho conjunto envolvendo a Polícia Civil, Polícia Militar e agentes penitenciários. As investigações tiveram início após o flagrante de Luiz Carlos Soares que tentava voltar para o Presídio Sebastião Satiro com uma grande quantidade de drogas no estômago. Os agentes penitenciários perceberam a aflição de “Gordão” e encaminharam o detento para o Hospital Regional.

Nenhum comentário: